Home Office


Quem nunca sonhou em poder trabalhar em casa, organizar seus horários e não precisar pegar trânsito logo cedo? Sim, esse modelo de trabalho existe e se chama home office!

O home office já é realidade para muitos brasileiros, e cada vez mais empresas estão aceitando essa ideia.

Então está esperando o que? Vá para casa! Seja home office!


sexta-feira, 12 de setembro de 2014

O seu cantinho de trabalho é um importante local para você ter ideias e produzir. Alguns gostam de trabalhar numa mesa mais clean, com menas coisas. Outros já preferem criar na bagunça, rodeado de livros e anotações.

Você já deve ter reparado na sua empresa que cada um tem a sua preferência na hora de organizar sua mesa, com os gênios da tecnologia a história não é diferente. Você verá nesse post algumas estações de trabalho com pilhas de livros, outras cercadas de tecnologia e outras mais básicas.


Steve Jobs

Maçãs, livros e um iMac! Se você é um grande fã de Jobs, certamente já sabia que ele era um homem bem peculiar. Não é porque ele criou o iPod e outros gadgets que seu escritório seria composto apenas por eletrônicos. Pois é, grande parte dos objetos no ambiente de Steve Jobs eram livros e entulhos diversos, que parecem ser itens que serviam como inspiração.




Max Levchin

Talvez você não o conheça, mas com certeza que já ouviu falar no PayPal. Pois é, Levchin é diretor-técnico e cofundador do site de pagamentos. É nesta mesa apertada que o empresário monitora o rendimento em seu site.




Elon Musk

Falando em PayPal, não poderíamos deixar de mostrar a mesa de trabalho de Elon Musk. O empreendedor ajudou o site de pagamentos a ser o que é hoje. Além disso, Musk ganhou fama por apostar na SpaceX , uma companhia dedicada ao desenvolvimento e aprimoramento de transportes espaciais.




Linus Torvalds

Ele conquistou uma legião de fãs com a ideia de criar algo gratuito. Hoje, seu grande projeto resultou no surgimento do Ubuntu, do Debian, do RedHat e de diversas outras distribuições Linux. Linus Torvalds, guru responsável pelo Pinguim trabalhou por muito tempo em seu escritório no desenvolvimento do Kernel do sistema Linux.




Tony Hsieh

Tony Hsieh é o CEO de uma loja virtual de tênis e roupas. A Zappos é internacionalmente conhecida, e o criador da empresa tem quase três milhões de seguidores no Twitter. Ele pode não ser tão famoso como outros gênios da web, mas certamente é um milionário que chama a atenção.




Bill Gates

O criador do Windows deixou de palpitar diretamente nos produtos da Microsoft. No entanto, ele tem seu próprio ambiente para ter novas ideias e trabalhar em outros projetos paralelos. Ao contrário de Jobs, Gates prefere um lugar mais limpo e organizado. De qualquer forma, não há muitos gadgets em sua sala.




Dennis Crowley

Todo dia é a mesma coisa: Dennis Crowley chega em seu ambiente de trabalho, liga a rede Wi-Fi do smartphone e faz check-in no Foursquare. Nada mais óbvio, afinal, o cofundador da rede social deve ter todas as medalhas em seu escritório.




Mark Zuckerberg

Para encerrar nossa lista com chave de ouro, temos a foto da mesa de trabalho do CEO do Facebook. Divulgada pelo próprio Zuckerberg, a imagem deixa claro que o bilionário aproveita todo o potencial do Macbook para navegar no Facebook o dia todo. 



Fonte: Tecmundo


E você, o quem tem na sua mesa? 

Envie para gente a foto do seu cantinho de trabalho para ser publicada na nossa página do Facebook.


segunda-feira, 8 de setembro de 2014



O home office já é realidade em várias profissões: designers, publicitários, jornalistas, arquitetos, fotógrafos, etc. e o operador de telemarketing não está fora dessa.

O número de empresas que aceitam que seus funcionários trabalhem de casa já é notável. Cerca de 14% adotam esse modelo de trabalho. Parece pouco comparado a outros países, mas em 2013 esse número era de apenas 6%. Ou seja, o número da vagas para home office está crescendo. As empresas já estão começando a ver as vantagens do home office: economia em vale transporte e alimentação, além do aumento da produtividade dos colaboradores.

Para o operador as vantagens também são interessantes. Além de poder trabalhar de maneira confortável e estar mais presente da família, ganha-se em qualidade de vida, um dos fatores mais valorizados pela Geração Y.

Mas como saber se meu funcionário está mesmo produzindo?

A solução é simples: metas e prazos devem ser estabelecidos de antemão. Para manter uma disciplina e foco, o trabalhador precisa contar com um local organizado e silencioso. Caso queira, a empresa também pode realizar a gravação das ligações e da tela do computador. Além do supervisor poder acompanhar as atividades do operador de telemarketing para um feedback mais assertivo, ele ganha também em segurança jurídica.

Seja em casa ou na firma, o que não pode esquecer é da motivação, para que a sua equipe alcance os melhores resultados.

segunda-feira, 1 de setembro de 2014



Diversas empresas já abrem espaço para que seus funcionários trabalhem em casa, diminuindo assim custos com transporte, infraestrutura e garantindo maior qualidade de vida para os colaboradores.
Trabalhar em casa pode parecer simples e prático, mas uma parte muito importante para o sucesso da empreitada é preparar um lugar especial para trabalhar. Não adianta ligar o notebook na cama ou na cozinha e pensar que será produtivo.
O ideal é ter uma sala ou quarto exclusivo para o home-office. Assim diversas distrações são evitadas e o trabalho rende como se a pessoa estivesse na empresa. Televisão e barulhos externos podem atrapalhar a produtividade, assim como parentes e animais de estimação.

Móveis ideais

Além de uma mesa ou escrivaninha, uma cadeira confortável também é essencial, afinal você passará muitas horas do seu dia sentado. Pequenos gaveteiros e estantes também são necessários para organizar e guardar documentos e arquivos.
Diversas prateleiras podem ser adaptadas para o home-office, sem a necessidade de grandes gastos com arquitetura e decoração. Com criatividade e poucos materiais é possível ser o decorador do espaço e adequar o lugar para a necessidade e gosto de cada um.

Equipamentos eletrônicos

Para o home-office, pode ser necessário comprar alguns equipamentos eletrônicos e material de escritório. Essa é uma preocupação que deve existir uma vez que a pessoa se torna responsável por tudo, sem contar com a ajuda de uma secretária ou funcionário de almoxarifado para lidar com essas questões. Alguns itens essenciais são:

- Computador (desktop ou notebook);
- Impressora;
- Telefone fixo (de preferência uma linha separada);
- Papel e outros materiais de papelaria;
- Agenda e calendário.

Diversos empreendedores de sucesso e influência no mundo corporativo defendem o home-office, principalmente em cidades grandes nas quais o trânsito e as dificuldades de transporte consomem muito tempo e paciência do funcionário. No entanto, para ter sucesso nessa empreitada é primordial ter responsabilidade e disciplina, uma vez que não existe relógio de ponto ou superiores de olho em você o tempo todo.
Por isso ter um ambiente próprio para desenvolver as tarefas é importante, evitando assim distrações e concentrando-se no trabalho a ser desenvolvido.


Por Maristela Duarte – São Paulo/SP

terça-feira, 11 de março de 2014


Os tribunais brasileiros estão adotando o home office como uma opção para aumentar a produtividade de seus servidores. A falta de mobilidade nos grandes centros e a necessidade de acelerar os processos têm fortalecido essa ideia, mas divide opiniões de juízes, advogados e sindicatos.

O desembargador Fausto Martin De Sanctis publicou uma portaria no dia 4 de fevereiro autorizando o home office em seu gabinete no Tribunal Regional Federal (TRF) da 3ª Região. Quatro dos 17 funcionários começaram a trabalhar de casa inicialmente. "E super felizes", afirma.

Também estuda adotar o sistema o Tribunal de Justiça de São Paulo, o maior do país. "Precisamos prensar em produtividade", disse o novo presidente da Corte, José Renato Nalini, que tomou posse neste ano.

Leia a matéria na íntegra e veja as diversas opiniões sobre o home office nos Tribunais.

quarta-feira, 5 de março de 2014

Mesmo o Home Office crescendo bastante no Brasil, ainda são poucas empresas que aceitam que seus funcionários trabalhem em casa logo de início (já postamos aqui uma lista de algumas empresas que permitem trabalho em casa).

Com essa dificuldade de encontrar vagas alguns profissionais acabam ficando perdidos, por isso recebo quase todos os dias e-mails me perguntando sobre vagas de trabalho para home office fixo e freelancer. Para facilitar a vida de todos nós, o site de vagas Trampos.co criou um filtro de buscas para você ver os trabalhos a distância disponíveis.

Para encontrar o "trampo" perfeito para você basta acessar o link abaixo:

Trampos.co - Home Office